Ricardo Assis toma posse com Prefeito Interino de Apiaí

O ano de 2021 começou com a posse do novo prefeito interino da cidade, vencedor da chapa única denominada Apiaí uma nova história que concorreu à presidência da Câmara Municipal de Apiaí composta pelos vereadores Ricardo Rubens de Assis presidente, Joseni Ribeiro Barbosa, para vice presidente, Alysson Franco de Lima Garcia, para 1º secretário e Sandro Marcio Cosmo para 2º secretário, sendo empossado prefeito após determinação do Supremo Tribunal Eleitoral que em Sessão Plenária do dia 10 de dezembro de 2020 onde determinou realização de novas eleições e posse como prefeito interino do presidente da Câmara Municipal até o fim da nova eleição para cargos majoritários na cidade marcada para o dia 07 de março de 2021.

Presidente da Câmara é empossado como prefeito interino até novas eleições.

Ricardo Rubens de Assis, 40 anos, casado, foi funcionário por 16 anos da Telefônica/Vivo atuando na área de cobertura da região de Apiaí, foi eleito vereador nas eleições de 15 de novembro de 2020 e vem trabalhando para um governo de união entre as casas executiva e legislativa, onde sua vice na chapa Joseni Ribeiro Barbosa assumiu a presidência da Câmara Municipal, em seu discurso dirigido aos servidores públicos do município falou em união, trabalho, determinação e valorização do funcionário e ainda falou da igualdade entre pessoas onde o tratamento entre encarregados e funcionários deve manter o respeito para alcançar excelência no atendimento e nas demandas de cada setor. O prefeito interino está se situando da disponibilidade de caixa da Prefeitura e já está atendendo todo trabalho de zeladoria na limpeza pública, iluminação, manutenção de estradas rurais, atendimento à saúde e ainda uma preocupação neste mês de janeiro com as chuvas dando atenção à limpeza das ruas e córregos evitando transtornos com transbordamentos e enchentes na área urbana.

O novo governo trabalha em busca do equilíbrio financeiro dando prioridade para quitar a folha de pagamento dos servidores, pois, encontrou a Prefeitura sem recursos financeiros suficientes, aguardando os repasses do mês para quitar a folha e após isso, retomar o pagamento de fornecedores para manutenção dos serviços à população, o governo ainda busca revisão de todos os contratos desde locação de imóveis, prestação de serviços, aluguel de hora máquina e caminhões e ainda assessorias diversas, para reduzir despesas. Apiaí uma nova história.

Fotos: Arquivo pessoal / Câmara Municipal de Apiaí

Desenvolvido por Mais Alto Vale Conteúdos Digitais
× Peça Sua Música, participe da programação!